quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Risotto de limão, ervas, bacon, cogumelos e parmesão

Andava há imenso tempo para testar risotto com limão. 
Eu adoro limão, e, na minha opinião, este risotto ficou perfeito... Ácido q.b, e depois o contraste com as ervas frescas... Adorei
Vai ser repetido certamente :)

Ingredientes (2 pess):
150 gr risotto
1/2 chav chá vinho branco
1 lt caldo carne
1/2 limão (sumo e casca)
ervas aromáticas q.b. (tomilho limão, coentros, salsa e estragão)
Cogumelos frescos q.b.
Bacon fatiado q.b.
1 colh sopa manteiga
Azeite, cebola e alho
Manteiga 
Queijo parmesão ralado


Preparação:
Preparar o caldo de carne, fervendo 1 Lt de água com 1 cubo de caldo knorr. Manter quente enquanto faz o risotto.
Fazer um refogado, em lume brando para não queimar. Adicionar o risotto, deixar fritar, mexendo sempre, até ficar translúcido.
Adicionar o vinho branco. Mexa sempre até o vinho evaporar. Adicione em seguida o sumo do limão e mexa sem parar até evaporar. Em seguida, vá juntando aos poucos o caldo de carne, deixando sempre ser absorvido pelo arroz, antes de deitar mais um pouco, até cozinhar a gosto.
Enquanto isso, frite o bacon e os cogumelos numa frigideira antiaderente.
Quando o arroz estiver pronto, junte o bacon e os cogumelos, as ervas picadas, a raspa do limão, manteiga e queijo parmesão ralado. Servir de imediato.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Frango maravilhoso com ervas aromáticas

Para testar uma receita do meu dossier antigo, lá fui eu comprar umas ervas aromáticas que não conhecia. 
E ficou tão bom :)

Ingredientes:
3 pernas de frango
sumo de 1 laranja
sal
salsa
estragão
paprika
1 folha louro
mostarda em pó
mostarda em grão
salva
pimenta preta moída
margarina líquida vaqueiro

Preparação:
Misture as especiarias e o sumo de laranja, deite-os sobre o frango, cubra e guarde no frigorífico por cerca de 3 h. 
Aqueça o forno a 180º C. 
Leve o frango ao forno, regado com margarina líquida, por cerca de 1h. Vá regando de vez em quando.
Servi com arroz e batata frita na actifry.


segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Tarte de maçã à moda da Alsácia

Mais uma receita do livro "As 100 mais famosas sobremesas do mundo". Esta é mais uma de França, já tínhamos experimentado a "Tarte aux noix" de lá que, sinceramente, agradou-nos muito mais.
Esta não nos convenceu inteiramente, falta-lhe qualquer coisa pra lhe dar sabor.
No entanto cá fica a experiência.


"Todo o encanto desta tarte deriva da combinação de maçãs ligeiramente ácidas com uma calda doce".

Ingredientes:

Para a massa quebrada:
220 gr farinha
110 gr manteiga
50 gr açúcar em pó
1 gema de ovo
1 pitada de sal

Para a cobertura:
1 Kg maçãs ligeiramente ácidas
2 colh sopa sumo limão
100 gr açúcar
3 ovos
1,25 dl natas
Raspa de 1 limão

Preparação:
Prepare a massa quebrada.
De seguida, deixe-a repousar no frigorífico durante, pelo menos, 1 h. Com o rolo da massa, tenda uniformemente a massa, e cubra a base da forma. Prepare as maçãs, corte-as da forma desejada e coloque-as sobre a massa. 
Entretanto, bata numa tigela o açúcar com os ovos, as natas e a raspa de limão e regue as maças com cuidado.
Leve a tarte ao forno previamente aquecido a 190º C durante cerca de 30 min. Após esse tempo, deixe a tarte arrefecer um pouco e, quando estiver morna, desenforme-a. Polvilhe-a com açúcar em pó e sirva imediatamente.

domingo, 27 de novembro de 2011

Mais uma sugestão

Desde que comecei a habituar-me a fazer os rolos em casa, não tenho comprado daqueles prontos.
Um destes dias, com a falta de tempo que se começa a notar cá em casa, e porque este tinha um óptimo aspecto, veio comigo para casa.

A forma de fazer não difere dos que tenho feito, temperei apenas com sal, pimenta, um pouco de vinho branco e reguei com azeite. Servi com arroz, batata frita e feijão preto... Uma refeição prática e deliciosa:

Desculpem a qualidade das fotos, mas teve de ser com o telemóvel :)

sábado, 26 de novembro de 2011

Pão saloio

Ando muito entusiasmada com o pão. Depois deste, cá vem a minha 2ª experiência.
Francamente este agradou-me mais, se bem que a crítica cá em casa sou só eu, porque as minhas cobaias gostaram dos 2. A Inês, na hora do lanche, comeu logo 2 bolinhas deste, ainda morninho.
Quem não tem cão caça com gato, e eu como não tenho MFP, amassei o pão na bimby, moldei-o e cozi no forno... 
A receita é a do livro base da bimby, mas cá vai.

Ingredientes:
500 gr farinha
330 gr +agua
2 colh chá sal
40 gr fermento padeiro / 1 saqueta Fermipan

Preparação:
Coloque no copo a água e o sal e programe 2 min / 37º / vel 2. Junte metade da farinha e o fermento. Programe 8 seg / vel 6. 
Junte a restante farinha e programe 2 min / vel espiga.
Deixe levedar e coza em forno quente (220ºC).


sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Rolinhos com delícias

Esta foi mais uma refeição feita num dia sem tempo nem paciência. Vejam como é rápido e apetitoso..

Ingredientes (4 pess):
4 bifes de perú
4 fatias de queijo
8 delícias do mar
1/2 cháv chá vinho branco
mostarda
azeite
sal e pimenta
tomilho limão
margarina vaqueiro líquida

Preparação:
Temperar os bifes com sal e pimenta. Em cada um deles colocar uma fatia de queijo e 2 delícias do mar. Enrolar, prender com um palito e colocar num pirex. Regar com um pouco de azeite, margarina líquida e mostarda. Pincelar para espalhar bem, cobrir com vinho branco, salpicar com tomilho e levar a forno pré-aquecido cerca de 180º C.


quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Perca do nilo com marisco à "bulhão pato"


Cá em casa gostamos muito de perca do nilo. Deve ser dos poucos peixes que a filhota come sem reclamar, diz que é suculento :)
Quando encontro no supermercado, trago sempre comigo. Costumo comprá-los frescos, mas na última visita ao continente encontrei em tranches congeladas. 
Decidi experimentar no forno e para acompanhar fiz algo tipo "bulhão pato"...
Foi aprovado e, assim, todos comem peixe sem reclamar :)


Ingredientes:
tranches perca do nilo
tomilho limão
alho em pó
Massa a gosto
amêijoas
miolo de camarão
4 dentes alho esmagado com casca
1 folha de louro
limão
azeite
vinho branco
coentros picados
Sal e pimenta

Preparação:
Ligar o forno a 180ºC.
Coloque o peixe num pirex, tempere com sal, pimenta, tomilho limão, alho moído e sumo de limão, regue com azeite e leve ao forno por cerca de 30 min.
Coza a massa al dente.
Coloque o miolo de camarão e as amêijoas num tacho tapado com um fio de azeite, o alho e o louro. Tempere com sal e pimenta.
Quando as amêijoas abrirem, refresque com um fio de vinho branco, junte os coentros e deixe evaporar. Finalmente perfume com sumo de limão.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Bifinhos panados em queijo

Esta receita foi retirada do blog da querida Paty. Assim que a vi marquei-a, assim que surgiu a oportunidade teve mesmo de ser... E ficou maravilhosa, os bifes ficam suculentos, uma verdadeira delícia!!!
Só os levei ao forno, em vez de os fritar. Cá vai...

Ingredientes:
bifes de frango
sal e pimenta
margarina líquida

Para panar:
queijo ementhal ralado
queijo parmesão ralado
pão ralado
sal
ovo batido

Preparação:
Temperar os bifes com sal e pimenta. 
Misturar os queijos, o pão ralado e o sal.
Panar a carne em ovo e de seguida na mistura de queijo. Levar a forno pre-aquecido a 180º C por cerca de 25 a 30 min, regado com um pouco de vaqueiro líquida.
Servi com o gratin de legumes.


terça-feira, 22 de novembro de 2011

Bolo de laranja Sueco

Mais uma receita retirada do fabuloso livro "As 100 mais famosas sobremesas do mundo". Esta vem directamente da Suécia. Já foi eleito como o melhor bolo de laranja de sempre... 
Tivemos de fazer o fondant, e o licor de laranja para o fazer, mas valeu cada segundo.. Aquela cobertura, faz-me nascer água na boca só de pensar :)

"Um bolo de amêndoas com sabor a laranjas frescas, coberto por um glacé de compota de laranja"...

Ingredientes:

Para a massa batida:
4 gemas de ovo
150 gr açúcar
raspa de 1 laranja
4 claras de ovo
50 gr migalhas de bolos secos
30 gr farinha
150 gr amêndoas raladas, com pele
30 gr manteiga derretida
1 pitada de sal

Para a calda de laranja: 
1 laranja
80 gr açúcar
2,5 dl sumo de laranja

Além disso:
1 forma semicilíndrica canelada com 32 cm (usámos a que tinhamos)
Margarina e farinha para a forma
50 gr de glacé de alperce
100 gr de fondant
30 gr lascas de amêndoa torradas (usámos laminada)
Raspa de 1 laranja

Preparação:
Para a massa batida, bata as gemas com metade da quantidade de açúcar indicada, a raspa de laranja ralada e o sal, até obter uma massa cremosa. Bata as claras em castelo, adicionando aos poucos um fiozinho de açúcar. Junte as claras à massa de gemas. Mexendo de baixo para cima, adicione as migalhas de bolos secos, a farinha, as amêndoas e a manteiga. Unte a forma com margarina e espalhe as migalhas de bolos secos. Deite a massa na forma e leve-a ao forno previamente aquecido (190ºC) durante 40 a 45 min. Deixe o bolo arrefecer e depois desenforme-o para cima de uma rede, virando-o ao contrário. Prepare a calda de laranja, espalhe-a pelo bolo e deixe-o repousar. Barre a sua superfície com o glacé de alperce. Aqueça o foundant com o resto do xarope de laranja e o licor de laranja e espalhe este glacé por cima do bolo. Decore-o com as lascas de amêndoa e as tirinhas de casca de laranja.

Calda de laranja:
Com cuidado, rale a casca de uma laranja por cima de um tacho de forma a que a amarga pele branca do interior não se misture com a calda de laranja.
Adicione o açúcar e deite o sumo de laranja recentemente preparado. Mexa até que este preparado comece a ferver.
Em lume brando, reduza a calda de laranja até um terço do seu volume inicial. Deixe arrefecer ligeiramente. Perfume esta calda com licor de laranja.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Fondant

Este fondant foi feito para ser utilizado numa outra receita, mas falaremos disso noutro dia.
A receita foi retirada de um livro da vaqueiro, bem velhinho. Fizemos metade dela, e o menino diz que dá imenso trabalho :)

Ingredientes:
500 gr açúcar
2,5 dl água

Preparação:
Leve a derreter, sobre lume muito brando o açúcar com a água.
Aumente o calor progressivamente e deixe ferver até obter ponto assoprado (115ºC). Limpe a espuma escura que se formar à superfície com uma escumadeira.
Retire do lume e deite a calda sobre a pedra da bancada, impecavelmente limpa.
Trabalhe a calda com uma espátula, em movimentos de vai-vem, até esta ficar branca e pastosa.
Guarde em caixa hermética e conserve no frigorífico.
Na altura de aplicar, derreta o fondant em banho-maria e espalhe sobre  bolo com uma espátula.

domingo, 20 de novembro de 2011

Licor de Laranja

Nunca tinha experimentado fazer licor, até porque, salvo raras excepções, não bebo bebidas alcoólicas.
Este foi feito pelo R, com uma aguardente que o meu pai nos deu caseira.
A receita foi retirada de uma saberes e sabores da vaqueiro, e fizemos só 1/2 receita.

Ingredientes:
4 laranjas com pele grossa
800 gr + 200 gr açúcar
5 dl + 1 dl água
1l aguardente.

Preparação:
Lave muito bem as laranjas, pique-as várias vezes com um palito até chegar à polpa e coloque-as num frasco de boca larga. Junte os 800 gr açúcar, 5 dl água e a aguardente. Rolhe o frasco e deixe-o exposto à luz durante cerca de 1 mês Agite o frasco 1 vez por dia. Ao fim desse tempo coe o licor. 
Deite os restantes 200 gr de açúcar num tachinho, borrife-os com um pouco de água e deixe ferver até obter ponto de caramelo claro. Junte o caramelo 1 dl de água a ferver e deixe sobre lume brando, agitando o recipiente até dissolver completamente o açúcar.
Junte o caramelo obtido ao licor e mexa até dissolver. Guarde numa garrafa.

sábado, 19 de novembro de 2011

Um jantarinho rápido e apetitoso

Estamos a entrar numa época trabalhosa no ramo onde trabalho. Esta última semana foi super agitada, e a minha salvação ao jantar foi uma feijoada que a minha mãe fez e me mandou para comer, e outros dias foi o marido que fez o jantar..
E a especialidade dele é?? Tirando os doces maravilhosos, claro??? Ovos :)
Tanto adoro uma omelete e não a consigo fazer...
Sem receita, hoje deixo-vos só a omelete de cogumelos, chouriço e salsa que foi o meu jantar, e que me soube mesmo bem....


Bom fim-de-semana a todos e obrigado pela visita...

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Gratin de legumes

Mais uma receitinha de legumes. É um acompanhamento que cada vez mais faço questão de ter à mesa. A filhota não come ainda, mas tenho esperança que de tanto ver comer, tenha curiosidade :)..
Nós adoramos, e tenho experimentado imensas formas diferentes de os fazer.
Esta foi mais uma, ainda pensei em pôr bechamel (eu adorooo), mas assim ficou um pouco mais light.

Ingredientes:
chouriço de carne
bróculos
cebola
alho
alho francês
abóbora
cenoura
cogumelos paris
espargos
espinafres
azeite
pimenta e sal
queijo ralado (usei ementhal e parmesão)

Preparação:
Cozer ligeiramente os bróculos.
Enquanto isso, num wok colocar o chouriço em pedaços e os restantes legumes (excepto os espinafres) lavados e cortados a gosto, regar com um pouco de azeite e deixar estufar. Quando tenros, adicionar os bróculos e os espinafres, envolver bem, deixar em lume brando mais uns min.
Colocar os legumes num pirex, cobrir com queijo ralado e levar ao forno pré-aquecido a 180º até gratinar.

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Comprei uma telha e vejam o que saiu :)


Esta é, sem dúvida, a melhor receita de coelho de sempre, na nossa opinião.
E é de uma simplicidade, que o resultado espanta-nos. Delicioso!!!
Foi adaptada de uma mulher moderna na cozinha antiga, deixo-vos conforme fiz.

Coelho na telha com castanhas

Ingredientes (2 pess):
3 batatas 
3 pernas de coelho
1 cebola
castanha sem pele congelada q.b.
azeite
2 dentes de alho
coentros
1 colh sopa vinagre
sal e pimenta q.b.

Preparação:
Temperar o coelho com sal e pimenta.
Cozer as batatas cortadas em pedaços, junto com as castanhas. 
Ligue o forno a 190ºC. 
Corte as cebolas em rodelas e coloque-as no fundo de uma telha. Junte-lhe o coelho, as batatas e castanhas. Regue generosamente com azeite e leve a meio do forno por cerca de 1h.
Pique o alho e os coentros e faça uma vinagreta juntamente com o azeite, o vinagre e o sal.
Assim que o coelho esteja assado, retire-o do forno, regue com a vinagreta e sirva.


quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Recordações do meu tempo de criança

Há certas comidas que fazem lembrar a minha infância e normalmente trazem recordações tão boas :).
Sempre gostei de comer, se bem que já comi bastante mais do que como actualmente, mas não gosto de me privar comer de nada. 
O arroz doce, faz-me lembrar o natal. Vou vos contar que o natal, na minha infância, era passado com a família toda da parte do meu pai, quando os meus avós eram vivos, e era uma festa pela qual todos nós, criançada, ansiávamos todo o ano. Éramos cerca de 20 pessoas, jantávamos no dia 24 e normalmente estávamos todos juntos até dia 26. Dormiamos todos ao "molho e fé em Deus", mas eram uns dias que nos enchiam o coração. 
Haviam pratos e doces que nunca faltavam nos nossos natais. Por exemplo o arroz doce da tia Rita, as filhós da avó Maria, o fundue no dia de natal organizado pela minha mãe e tia Teresa... Na nossa ingenuidade, eram dias mágicos...
Por motivos vários, e depois da morte dos meus avós acabou-se o natal com as 20 pessoas, passámos a ser só nós, os meus pais e irmão e depois do choque inicial da mudança, neste momento sabe-nos mesmo muito bem estarmos "sós"...
No entanto o arroz doce já não se faz, as filhós sem as mãos da minha avó não são a mesma coisa....
Recordações à parte, andava com saudades de arroz doce, procurei na net, encontrei esta receita no blog da querida Susana, e, apesar de não saber ao mesmo, estava mesmo muito bom :)
Usei foi umas gemas que tinha congeladas, deixei-as descongelar direitinho, mas não funcionou lá muito bem, mais uma coisa que aprendi... 

Ingredientes:
1 litro leite meio gordo
1 pau canela
3 cascas limão
200 g arroz carolino
1 pitada sal
160 g açúcar
4 gemas

Preparação:
Colocar no copo todos os ingredientes excepto o açúcar e as gemas.
Programar 15 Min / 90º / Vel. Colh Inversa. 
Retirar a tampa e envolver com a espátula.
De seguida programar 25 Min / 90º / Vel. Colh Inversa.
Finalmente juntar o açúcar, as gemas previamente desfeitas num pouco de arroz doce e envolver com a espátula.
Programar mais 10 Min. à mesma temperatura e velocidade.
Colocar em tacinhas e enfeitar com canela a gosto.


terça-feira, 15 de novembro de 2011

Esta é uma lasanha a não perder

Andava há imenso tempo para fazer uma lasanha de espinafres que vem numa mulher moderna na cozinha antiga. Mas fui dando um toque daqui, um dali e no final... não tem nada a ver :)
O Ricardo nem é apreciador de lasanha, mas esta ele adorou... Ficou mesmo boa...
Ah e estou tão contente, que vou partilhar convosco. Finalmente comprei uma lasanha, fresca, que adorei. Cozinhou em 30 min no forno, não ficou rija.. uma delícia. É do Pingo doce.

Lasanha de espinafres, camarão, cogumelos e espargos


Ingredientes (p/ um tabuleiro pequeno):
3 folhas lasanha
1 emb folhas espinafres lavados
1 emb cogumelos frescos
1/2 molho espargos
1 emb miolo camarão grande
1 emb bechamel
1/2 pac natas M/ gordas
2/3 pac tomate frito
sal, pimenta e tomilho limão
azeite e alho picado
queijo ralado (usei parmesão e ementhal)


Preparação:
Lavar e laminar os cogumelos. Lavar e cortar em pedaços os espargos.
Aquecer o azeite num tacho, juntar o alho picado os cogumelos e os espargos. Quando murchos, juntar o camarão, envolver e deixar cozinhar. Juntar os espinafres, deixá-los cozinhar um pouco, temperar com sal, pimenta e tomilho limão envolver bem. Adicionar as natas e deixar ferver bem, até evaporar um pouco.
Cobrir o fundo de um pirex com bechamel. 

Fazer camadas de massa, mistura de espinafres, molho de tomate e  queijo ralado. Repita as camadas, termine com folha de lasanha, cubra com o restante bechamel e queijo ralado.
Vai ao forno a 200º C, cerca de 30 min. 
Deixe repousar no forno, cerca de 30 min após desligá-lo, para os molhos secarem e arrefecer um pouco.


segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Torta de avelãs de Bratuskava

Esta receita é do livro "as 100 mais famosas sobremesas do mundo", é originária da Eslováquia. 
Só vos digo, é fabulosa... Pouco doce, e mais uma vez o sabor dos frutos secos convence-nos e faz-nos render...

O sabor a avelãs caracteriza esta torta de massa levedada.. 


Para a massa levedada:
500 gr farinha
40 gr fermento de padeiro
2 gemas de ovo
2 dl leite morno
130 gr manteiga
50 gr açúcar
1/2 colh chá sal

Para o recheio:
400 gr de avelãs ligeiramente torradas
50 gr migalhas de pão
80 gr açúcar
1/2 colh chá canela moída
40 gr chocolate amargo ralado
4 cl rum
1 pitada cravinho moído (não usámos)
0,6 dl leite muito quente
2 claras de ovo

Além disso:
1 gema de ovo para barrar
Margarina para o tabuleiro
Açúcar em pó para polvilhar

Preparação:
Peneire a farinha com rapidez e faça uma cova no meio. Deite aí o fermento de padeiro, dissolvido com leite morno, e misture-o com um pouco de farinha nas bordas. Polvilhe farinha por cima desta massa. Tape-a com um pano, coloque.a num local quente, sem correntes de ar, e deixe-a levedar até que a superfície  apresente algumas fendas.
Derreta a margarina e misture-a com o açúcar, o sal e as gemas de ovo. Junte este preparado à massa previamente confeccionada. Com uma colher, incorpore e misture a farinha, batendo o tempo que for necessário até que a massa apresente um aspecto polido e brilhante, com bolhas e que desprenda das paredes da tigela. Logo de seguida, amasse-a com força na mesa de  trabalho. Deixe-a repousar de novo, tape-a com um pano e deixe-a levedar até que a massa duplique o volume.
Para preparar o recheio, rale as avelãs torradas e, posteriormente, misture-as com o pão seco esmigalhado, a canela, o cravinho e o chocolate (previamente ralado muito fino). Junte o rum e o leite bem quente e mexa todo este preparado, com uma colher, de baixo para cima. Bata as claras em castelo e, muito lentamente, vá adicionando o açúcar. Continue a bater as claras até obter uma massa consistente que, com uma espátula, misturará com o recheio de avelãs.
Coloque a massa sobre uma superfície polvilhada de farinha e, com o rolo, tenda uma camada de massa rectangular de 40 x 50 cm. Espalhe o recheio de avelãs por cima. Deixe livre uma tira de massa com 4 a 5 cm de largura, na borda longitudinal posterior, e barre-a com a gema de ovo batida. Enrole o rectângulo a partir da parte da frente. Coloque a ponta final da massa para baixo, sobre o tabuleiro bem untado. Tape a torta com um pano e deixe-a repousar durante cerca de 15 min. Com um pincel, barre a superfície com o resto da gema de ovo. Leve-a ao forno previamente aquecido (200ºC) durante 25 min a 30 min, até adquirir um tom dourado-claro. Antes de cortar a torta em fatias, polvilhe com o açúcar em pó.


domingo, 13 de novembro de 2011

Linguine com salsichas de churrasco, bacon e cogumelos em molho de mostarda

O meu mano hoje é pinino :)...  Parabéns Amigo!!!

Um nome muito comprido, para uma comidinha bem simples e muito apetitosa..
Gosto de ter sempre em casa salsichas de churrasco, não porque faça churrascos (infelizmente não tenho onde os fazer), mas porque acho que são super versáteis e de vez em quando lá as misturo na comida ou faço delas refeição principal. 
Foi o caso deste dia, em que não tinha nada a descongelar para o jantar, estávamos esganados de fome e foi do mais rápido que há.

Ingredientes:
linguine
6 salsicha de churrasco
1/2 bacon
cogumelos paris q.b.
1/2 caldo knorr alho e coentros
ervas finas
azeite
mostarda a gosto
200 ml natas de soja

Preparação:
Cozer a massa al dente.
Saltear num pouco de azeite, as salsichas cortadas em rodelas, o bacon em tiras e os cogumelos em pedaços.
Quando estiver tudo cozinhado, juntar as ervas finas, a mostarda e as natas e envolver bem.
Misturar na massa cozida.

sábado, 12 de novembro de 2011

Panados de perú na actifry

Já tinha testado os panados na actifry como vos mostrei aqui, no entanto não tinha sido eu a fazê-los, a minha mãe tinha-os comprado feitos.
Desta vez fiz eu, com uns bifes de perú. A minha filhota adora panados, e assim já os posso fazer mais vezes :)
Ficaram óptimos!!

Ingredientes:
bifes perú
sal e pimenta
ovo batido
pão ralado
vaqueiro líquida ou azeite

Preparação:
Cortar os bifes em pedaços, temperar com sal e pimenta.
Passá-los em ovo e em seguida em pão ralado. 
Colocar na actifry, regar com um pouco de vaqueiro ou azeite e programar 10 min.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Bolo de claras com crosta de canela

Este bolo é uma variação deste.
Tinha novamente imensas claras no congelador, precisava de um bolinho para a filhota levar durante a semana prá escola, e saiu este bolinho que ficou ainda melhor que o original.

Ingredientes:
250gr açúcar amarelo
190gr farinha
125gr manteiga
8 claras
1 colh chá fermento
1 laranja (sumo)
canela e açúcar em pó q.b.

Preparação:
Aquecer o forno a 180º C.
Bater bem a manteiga com o açúcar. Juntar a farinha, o fermento e o sumo da laranja e mexer bem. 
Bater as claras em castelo firme e envolver sem bater. Polvilhar com canela e açúcar em pó a superfície do bolo.
Levar a forno numa forma untada e polvilhada cerca de 30 min.

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Gratin de bacalhau e legumes

Adoramos bacalhau cá em casa. Este foi feito de improviso, precisava de gastar alguns legumes, não tinha descongelado nada, e lembrei-me de testar uma mistela das minhas.
Nada mais simples e ficou uma maravilha, foi aprovadíssimo.

Ingredientes:
bacalhau
cenoura ralada
courgete em cubos
espargos
cogumelos paris laminados
abóbora em cubos
alho francês laminado
cebola e alho picado
azeite
batata palha
ovos
molho de nata para peixe mimosa
queijo ementhal ralado
broa de milho ralada com alho e salsa

Preparação:
Cozer o bacalhau e lascar. Cozer os ovos e reservar.
Num tacho colocar os legumes, cobrir com azeite e estufar até amolecerem.
Juntar o bacalhau lascado e envolver bem. Juntar a batata palha, cobrir com as natas, envolver bem, tapando o tacho para as batatas amolecerem um pouco.
Colocar num pirex, cobrir com queijo ralado, a broa e os ovos cozidos em rodelas e levar a forno pré-aquecido a 180º C para gratinar cerca de 15 a 20 min.


Mudámos para: www.ratatuidospobres.com.. visitem-nos Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...